Crise de ansiedade

we heart it

"Um dia desses você me mata" - repito.
você não acredita, porque sabe que sou fraca demais e para que isso acontecesse precisaria da minha participação total, mas tem algumas coisas que você precisa pelo menos respeitar, eu quero que você saiba que odeio quando me coloca em situações com as quais eu não posso lhe dar, odeio quando você me faz doer fisicamente e me destrói emocionalmente por completo. Odeio me sentir tão fraca que tenho raiva disso, tenho raiva de ser assim.
     Odeio como você me faz sentir sem valor e sozinha a ponte de ninguém se importar, odeio sentir saudades exageradas e irracional de pessoas que estão bem ali, eu odeio o fato de você me aprisionar em um lugar onde não posso voltar. Eu simplesmente odeio o fato de você me fazer parecer uma idiota perto das pessoas que me interesso, eu odeio a forma como você me faz dizer coisas que eu não quero em momento importunos e ainda me faz se arrepender depois, como se tudo fosse culpa minha.
    Eu odeio a forma como você me tira o sono e me enche de pesadelos de sentimentos que não são apenas meus, eu odeio a forma como você me faz gostar de pessoas que não estão nem aí para mim, odeio a forma como você odeia a reciprocidade. Odeio a forma que você me isola e não posso fazer nada, odeio quando responde aos convites dos meus amigos por mim, sempre dizendo que não posso, mesmo quando quero, você não respeita minhas vontades.
     Eu odeio o fato de não poder gritar na hora que quero, porque você tampa me boca tão forte que não consigo nem soltar o ar, odeio quando me afoga sem parar quando sabe que tenho medo do fundo, você sempre me coloca em lugares onde meus pés não alcançam, você nunca me joga uma corda, você me faz se sentir envergonhada por ser eu, você culpa meu cabelo, você culpa meus dentes ou meu corpo, mas o problema é tão você.
     Eu odeio o fato de você nunca ir embora e me acompanhar do ''bom dia'' até o boa noite, odeio o fato de acordar e dormir com você, odeio suas pausas de mim serem tão poucas e como você faz parecer que não vivo sem você, que eu preciso de você.
Eu odeio, acima de tudo, não poder tirar você de mim.
Você sou eu, eu sou você e fim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário